Home / Táxi / Campinas vai ganhar táxi com preço de ônibus

Campinas vai ganhar táxi com preço de ônibus

="adsbygoogle" style="display:block" data-ad-client="ca-pub-2309922433896559" data-ad-slot="9960967624" data-ad-format="auto">

Metro Campinas

A ameaça da concorrência dos aplicativos tem provocado seguidas mudanças de estratégia por parte dos taxistas e a mais recente delas deverá entrar em vigor a partir de terça-feira.

É que começa a funcionar na cidade, a promoção “Taxista Solidário” pela qual, o custo de uma viagem vai ficar em apenas R$ 5,00. Para quem não tem Bilhete Único (R$4,20), o custo da passagem de ônibus em Campinas é de R$ 4,50.

Segundo o presidente da ApTáxi, Inácio Rodrigues, a promoção vai funcionar da seguinte maneira. O taxista que aderir ao programa vai ser identificado com um adesivo, onde estará escrito “Táxi Solidário” e poderá oferecer a viagem a R$ 5,00 quando estiver voltando de uma corrida.

“Suponhamos que levei uma pessoa do Centro para o Campo Grande. Na minha volta para o Centro, vou estar vazio e neste caso coloco o carro na promoção”, conta ele.

“O passageiro vai identificar o adesivo; fazer o sinal de parada e verificar qual o trajeto do táxi. Se coincidir com o próprio destino, ele entra e paga só cinco reais, independentemente do trecho que vier a percorrer.”

O táxi só poderá fazer a promoção se não tiver com corrida fechada ou com mais de quatro passageiros já instalados. A corrida solidária vai, ainda, permitir que o motorista apanhe mais de um passageiro no trajeto da volta.

De acordo com Inácio Rodrigues, ao menos 70 taxistas já aderiram ao novo programa.“Esse é um jeito que a encontrou para ganhar algum, enquanto não se regulamenta essa história de aplicativos”, diz.

Segundo ele, os aplicativos já abocanharam 90% do mercado de transporte individual de passageiros em Campinas. “Na verdade, a categoria do taxista já morreu”, lamenta. Campinas possui 1.050 permissionários de táxi.

A Secretaria de Transportes deve enviar nos próximos dias para a Câmara um projeto de regulamentação dos aplicativos.

Vai exigir identificação e impor a cobrança de taxa de vistoria e de pagamento de ISS (Imposto Sobre Serviço).

Sobre Carlos Laia

Comandada por Carlos Laia , A Voz Do Taxista tem por objetivo levar a categoria dos taxistas informação, levantar o debate dos assuntos importantes para o desenvolvimento profissional de toda categoria.

DEIXE SUA OPINIÃO!