Home / UBER-Transporte Clandestino / Motorista do Uber é preso enquanto roubava residência em São Paulo

Motorista do Uber é preso enquanto roubava residência em São Paulo

="adsbygoogle" style="display:block" data-ad-client="ca-pub-2309922433896559" data-ad-slot="9960967624" data-ad-format="auto">

Empresa diz que motorista ‘utilizou a plataforma por um curto período de tempo e foi desligado’. Ele estava com um rapaz de 19 anos e os dois mantiveram um aposentado de 72 anos amordaçado e amarrado na Vila Mariana.

Policiais militares encontraram pistola falsa, faca, dinheiro e celulares com homem que se identificou como motorista Uber (Foto: Divulgação/Polícia Militar)

Policiais militares encontraram pistola falsa, faca, dinheiro e celulares com homem que se identificou como motorista Uber (Foto: Divulgação/Polícia Militar)

Dois homens foram presos enquanto roubavam uma residência na Vila Mariana, Zona Sul de São Paulo, na manhã desta quinta-feira (16). Um deles é Luiz Roberto Maia Farias, 55 anos, que se apresentou como motorista do Uber. O outro está desempregado e foi identificado como Alessandro Santos, 19 anos.

De acordo com o Uber, o motorista “utilizou a plataforma por um curto período de tempo e foi desligado” nesta quinta-feira. A empresa informou também que tomou as “medidas necessárias para assegurar que esta situação não aconteça novamente.”

Santos vigiava o movimento do lado de fora da casa enquanto Farias roubava o imóvel. A dupla manteve um aposentado de 72 anos amordaçado e amarrado com fitas de cetim.

Segundo informações da investigação do 16º Distrito Policial de São Paulo, onde o caso foi registrado, policiais militares foram chamados por causa de um roubo à residência em andamento. Assim que chegaram ao local, eles encontraram Santos na frente da casa e com um celular na mão.

Ainda de acordo com a polícia, ele teria confessado que estava no local para avisar o comparsa sobre qualquer movimentação policial na rua.

Dentro da casa, o motorista se identificou aos policiais como sobrinho do dono do imóvel e disse que estava tudo bem. Ele informou que iria pegar a chave da porta para permitir a entrada dos policiais, que desconfiaram e perceberam uma movimentação grande na cozinha. Os PMs flagraram o motorista desamarrando a vítima.

="adsbygoogle" style="display:block" data-ad-client="ca-pub-2309922433896559" data-ad-slot="9960967624" data-ad-format="auto">

Com ele, os policiais encontraram pouco mais de R$ 1,1 mil em dinheiro, dois celulares, um lenço, fitas de cetim, uma faca e uma pistola falsa. A polícia também apreendeu uma faca.

Segundo o dono da casa informou aos policiais, o motorista aproveitou que a vítima havia deixado a porta de entrada da casa aberta e entrou no imóvel.

De acordo com a Polícia Militar, Farias tinha passagem por homicídio e roubo. Ele já havia cumprido 25 anos pelo assassinato. O carro dele foi apreendido. Depois de preso, Farias se identificou como motorista do Uber e mostrou aos policiais o seu perfil no aplicativo instalado em seu celular.

O G1 não localizou a defesa dos dois presos.

Policiais militares verificaram perfil do motorista no aplicativo Uber instalado no celular de Luiz Roberto Farias (Foto: Divulgação/Polícia Militar)Policiais militares verificaram perfil do motorista no aplicativo Uber instalado no celular de Luiz Roberto Farias (Foto: Divulgação/Polícia Militar)

Policiais militares verificaram perfil do motorista no aplicativo Uber instalado no celular de Luiz Roberto Farias (Foto: Divulgação/Polícia Militar)

Fonte: G1

="adsbygoogle" style="display:block" data-ad-client="ca-pub-2309922433896559" data-ad-slot="9960967624" data-ad-format="auto">

Sobre Carlos Laia

A Voz Do Taxista é um portal de notícias criado por Carlos Laia para levar informações a classe dos taxistas, acompanhando os acontecimentos, dando opinião e ouvindo os principais personagens do incrível mundo do táxi.

DEIXE SUA OPINIÃO!