A CHINESA DIDI CHUXING ASSUME CONTROLE DA 99 TAXI

Acabou o mistério, a 99 foi vendida ao grupo chinês Didi, que já vem investindo pesado na startup nacional há um ano.

Agora resta aos taxistas entenderem que não passam de moeda de troca nas mãos de políticos e sindicatos que vem permitindo, mesmo que veladamente, a privatização do setor de transportes individual de passageiros.

Outra pergunta que fica com essa transação é o fato de especialistas afirmarem que o modelo uber não se sustenta com os motoristas, portanto, os taxistas serão também descartados a longo prazo?

Confira detalhes da transação.

#radioteta #avozdotaxists

Com investimentos iniciais de US$ 200 milhões, a empresa foi vendida por quase um bilhão de reais. 

 

A empresa chinesa, Didi Chuxing, adquiriu o controle do serviço de transporte individual brasileiro, o 99 Taxi, competidor do Uber.

Conforme os jornais o Globo e Valor Econômico, o negócio foi fechado hoje, 2, quando a empresa, que já detinha uma participação minoritária na empresa, assumiu o controle das operações, adquirindo as demais participações.

O 99 Taxi começou como um start up,com aporte de recursos dos fundos Riverwood Capital, Monashees, Tiger Global, Softbank e Qualcomm Ventures no valor de US$ 100 milhões. Outros US$ 100 milhões foram aplicados em um segundo momento.

A empresa foi vendida por quase um bilhão de reais, ou R$ 960 milhões.

Fonte: Telesintese

Carlos Laia

Taxista desde 2001, criador do site A Voz Do Taxista e da web Rádio Tera Byte. Nosso objetivo é levar notícias e informações sobre o táxi de todo Brasil a toda categoria, ouvindo representantes, autoridades e principalmente o taxista. Não temos vinculo com nenhuma entidade ou partido político.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios