Conheça os descendentes de Oscar Niemeyer que são taxista e garçom.

Filho de peixe, peixinho é. Será que o ditado popular está correto? O maior arquiteto brasileiro, Oscar Niemeyer, deixou um bom patrimônio para família , mas isso não quer dizer que seus descendentes tenham mantido o mesmo padrão de vida.

Carlos Eduardo, o Cadu é taxista no Rio de Janeiro e neto de Oscar, roda pelas ruas da cidade um pouco mais de 3 anos, ele evita contar para os passageiros sobre seu parentesco celebre, porém os que ficam sabendo não acreditam muito. Cadu é filho da decoradora Ana Maria Niemeyer, marta em 2012, única filha do arquiteto, antes de ser taxista ele trabalhava como fotografo no escritório do avó, fotografava os trabalhos do avó e acompanhava ele nas viagens, rodou o Brasil e o mundo ao lado de Niemeyer, recebi R$ 16.000 por mês. Com o morte do arquiteto Cadu ficou sem emprego e teve que trocar as lentes pelo volante. No começo ele disse que foi muito difícil mas hoje tira o trabalho de letra.

O filho de Cadu, que leva o nome do bisavó, tem 21 anos e trabalha como garçom, sendo seu primeiro emprego, que não é fácil, seis dias por semana, 8 horas por dia servindo as mesas, mas o jovem pretende fazer faculdade de engenharia.

Fonte: Record – R7

Carlos Laia

Taxista desde 2001, criador do site A Voz Do Taxista e da web Rádio Tera Byte. Nosso objetivo é levar notícias e informações sobre o táxi de todo Brasil a toda categoria, ouvindo representantes, autoridades e principalmente o taxista. Não temos vinculo com nenhuma entidade ou partido político.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios