Taxista: Votar ou não nos candidatos taxista

O candidato Fatioli foi omisso diante das necessidades dos taxistas e preferiu se alinhar com a política do "toma lá da cá"

A prisão do ex-presidente Lula, da cúpula do PT e tantos outros políticos nos mostra que muitos a população vem sendo enganada com discursos vazios há muito tempo.

Santinho do candidato- Imagem do facebook

É o que está acontecendo há quatro anos com os taxistas

Os “lideres”, agora candidatos a deputado e o vereador Adilson Amadeu, fazem discursos, prometem a solução da situação de penúria da categoria, mas não querem prejudicar o ex-prefeito João Dória, candidato a governador e apoiador dos aplicativos.

Assista o vídeo do editorial do programa A Voz Do Taxista desta semana

O vereador que foi eleito com mais de cinquenta mil votos dos taxistas, nada conquistou para a categoria e agora quer eleger os candidatos taxistas alinhados com sua “política do toma lá dá ca”.

Sendo da base do ex-prefeito João Dória, agora candidato a Governador e do atual prefeito Bruno Covas, o vereador Adilson Amadeu tem aceitado tudo que vem do executivo e que favorece aos aplicativos. Mesmo agora com a lei 13.640, que tanto o vereador e seu candidato a deputado Estadual, Alessandro Fatioli, que tantas vezes foi a Brasília e nada tem feito para que a lei seja implantada na capital paulista.

A posição de apoiadores do executivo paulista prova que a coleção de derrotas dos taxistas são fruto da falta de mobilização da categoria.

Taxistas protestam contra Uber no Pacaembu

Quando os taxistas deveriam estar nas ruas cobrando do prefeito a regulamentação por ele prometida, foram induzidos a somente esperarem pelas promessas nunca cumprida.

Se o Fatioli tivesse atuado como opositor da ingerência dos aplicativos no setor de táxi, com a permissão do Dória e com a omissão da cúpula do táxi da maior cidade brasileira, menina dos olhos dos aplicativos, hoje seria o candidato natural da classe, mas preferiu se omitir e alinhar-se com o que há de mais retrogrado na política brasileira.

Saiba quais são as obrigações de um deputado estadual.

As atribuições de um Deputado são muito parecidas com a do vereador

Na Câmara  Municipal o vereador precisa fazer as leis de interesses da população e fiscalizar o prefeito, no entanto, quando ele é da base do prefeito, se limita a votar os projetos do prefeito.

O deputado estadual tem a função de fazer as leis estaduais e fiscalizar o governador, ou seja, só uma coisa ele poderá fazer para a categoria que o eleger, política, e isso depende do grupo político com o qual o seu partido estiver coligado.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios