Home / TÁXI NEWS / Prefeitura de Curitiba muda regras para os táxis e pode gerar economia aos usuários

Prefeitura de Curitiba muda regras para os táxis e pode gerar economia aos usuários

="adsbygoogle" style="display:block" data-ad-client="ca-pub-2309922433896559" data-ad-slot="9960967624" data-ad-format="auto">

Taxistas ficam proibidos de cobrar taxas extras por bagagens e também pela distância até o local onde está o passageiro.

A Prefeitura de Curitiba anunciou, nesta quinta-feira (18), uma série de mudanças no serviço de táxi da cidade. A partir de agora, os taxistas ficam proibidos de cobrar uma taxa extra pela bagagem dos passageiros e também a chamada taxa de deslocamento, que é quando o taxímetro começa a rodar quando o taxista se desloca para pegar o passageiro.

As medidas, segundo a prefeitura, podem causar uma queda no preço do serviço. Na Rodoferroviária, muitos passageiros comemoraram a implantação das medidas. “Ajuda, né. Porque às vezes a distância é um pouco mais longa, então ele já vem com o taxímetro ligado, já está cobrando”, avalia a engenheira agrônoma Juliane dos Santos.

No decreto em que determinou as mudanças, o prefeito Rafael Greca (PMN) também permitiu o parcelamento da taxa de outorga em quatro parcelas. Essa taxa é cobrada anualmente dos taxistas, para que eles possam continuar rodando. Atualmente, ela custa R$ 1.350,00.

="adsbygoogle" style="display:block" data-ad-client="ca-pub-2309922433896559" data-ad-slot="9960967624" data-ad-format="auto">

Outra mudança é a padronização das vestimentas dos taxistas. Agora, todos devem usar roupa social, durante o trabalho.

As medidas, segundo a prefeitura, fazem parte de uma série de pedidos do sindicato que representa os taxistas, que, segundo eles, pode aumentar a competitividade dos táxis com outros serviços de transporte privado de passageiros.

A entidade, porém, afirmou que as mudanças não resolvem os principais problemas da categoria. “O sindicato, por si, já havia solicitado uma redução de 60% na outorga. O que foi conseguido foi o parcelamento. Então, houve um comprometimento [por parte da prefeitura] para que mais além a gente retome essa conversa. Haja vista que outros municípios como São Paulo, já vêm isentando essa tarifa dos taxistas”, diz o delegado sindical Julcimar Zanbom.

Fonte: G1

="adsbygoogle" style="display:block" data-ad-client="ca-pub-2309922433896559" data-ad-slot="9960967624" data-ad-format="auto">

Sobre Carlos Laia

A Voz Do Taxista é um portal de notícias criado por Carlos Laia para levar informações a classe dos taxistas, acompanhando os acontecimentos, dando opinião e ouvindo os principais personagens do incrível mundo do táxi.

DEIXE SUA OPINIÃO!