Home / A Voz do Taxista / Taxistas estão cansados de esperar!

Taxistas estão cansados de esperar!

 

Todos se recordam da polêmica que foi a reunião do Sindicato dos Taxistas Autônomos com o prefeito João Dória em janeiro, pelo fato do presidente da entidade, Natalício Bezerra, não ter permitido a participação das demais lideranças.

Os taxistas foram para a porta do sindicato protestar contra a falta de transparência, passado o impacto inicial poucos parecem se lembrar do prazo dado pelo prefeito para tomar alguma atitude

Nos parece que o assunto mais urgente que afeta todos os taxistas não foi a prioridade da pauta. Foi levado ao prefeito as propostas apresentadas como​ emenda ao PL 421/2016 do vereador Police Neto, que se tornou o decreto do Haddad.

O taxista quer saber a posição do prefeito a respeito dos aplicativos o  que ele pensa sobre a regulamentação e sua visão sobre o serviço de táxi de São Paulo.

O prazo de sessenta dias está se completando e nenhuma medida concreta com reflexo no dia a dia do taxista foi tomada pela gestão Dória até o momento.

Muito pelo contrário, o que estamos vendo e a secretária de transportes, que tem a frente Sérgio Avelleda, aplicar o famigerado decreto do ex-prefeito Haddad.

O controle da frota de carros particulares cadastrados nos aplicativos através da cobrança pelo uso do viário urbano é um engodo, uma vez que são os próprios aplicativos que informarão a qualidade de kilometros rodados.

Até o mês de março, por força de liminar, nenhum aplicativo recolheu um centavo para os cofres públicos.

Todos concordam que o decreto não resolveu o problema, além de contradizer a legislação, temos motivos para suspeitar que o decreto tenha sido feito para favorecer os demais aplicativos. Fato é que, após sua publicação, aplicativos como 99 e Eazy retiram do seus nomes a palavra táxi e passaram a utilizar carros particulares.

Outro fato que deve ser analisado é o silêncio de nossas entidades sindicais diante dos desmandos desses aplicativos, além do carro particular, estão também estabelecendo o preço dá corrida do táxi.

Mais uma vez o fator político está sendo colocado acima das demandas dos taxistas, haja visto a preocupação em desmobilizar qualquer iniciativa de grupos de taxistas de se  manifestarem por uma solução do poder público.

O prazo de sessenta dias está chegando ao fim, e não vemos nada que nos mostre que algo irá mudar, tivemos até agora somente acenos do prefeito João Dória, já é hora dos nossos representantes começar a cobra-lo.

Sobre Carlos Laia

Comandada por Carlos Laia , A Voz Do Taxista tem por objetivo levar a categoria dos taxistas informação, levantar o debate dos assuntos importantes para o desenvolvimento profissional de toda categoria.

1 Comentário

  1. Benedito antonio da silva júnior

    É tudo um engodo, é tudo uma falácia,.Todos estão esperando a tão propalada PL 5587/2016.Vamos ver o que vai dar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *