Home / A Voz do Taxista / Vereador quer investigação de colegas que foram a festa da Uber
O vereador Wellington de Oliveira quer que a Comissão de Ética da Câmara se posicione sobre uma postagem no Facebook em que membros da CPI do Taxi aparecem em foto ao lado de representantes da Uber (Foto: Richilieu de Carlo)

Vereador quer investigação de colegas que foram a festa da Uber

O vereador Wellington de Oliveira (PSDB) anunciou nesta terça-feira (11) que encaminou ofício para a Comissão de Ética da Câmara Municipal de Campo Grande para que se posicione sobre uma postagem no Facebook em que vereadores integrantes da CPI do Táxi aparecem em foto ao lado de representantes da Uber, durante festa promovida pela empresa de transporte urbano que utiliza aplicativo na Internet para os contatos entre motorista e passageiro.

A CPI foi convocada para investigar a concentracão de alvarás de funcionamento nas mãs de poucas pessoas e a formação de monopólio no setor. “Não tenho a intenção de trancar a CPI, mas algo tem que ser feito. Na minha opinião todos os cinco membros da CPI deveriam ser substituídos, porque essa situação pode comprometer o relatório final. Os taxistas poderão alegar que houve algum tipo de favorecimento para a Uber”, comentou o tucano.

Vereador de primeiro mandato, Wellington de Oliveira afirmou ao Campo Grande News que não vê problema de os vereadores integrantes da CPI do Taxi terem participado da festa promovida pela Uber, mas por princípio da razoabilidade não deveriam ter divulgado em mídia social. “Isso pode comprometer todo o trabalho da CPI”, ressaltou.

Segundo ele, o presidente do Setaxi (Sindicato dos Taxistas de Mato Grosso do Sul), Bernardo Quartim Barrios, já o procurou para questionar a lisura da CPI. Ontem, na abertura dos depoimentos, uma testemunha também questionou a imparcialidade da CPI por causa da postagem dos vereadores no Facebook.

Primeira pessoa a prestar depoimento na CPI, Elton Pereira de Matos leu o texto publicado na rede social e disse que a presidência da comissão é “suspeita” por agradecer e dizer que “lutou” pela empresa concorrente dos táxis.

Histórico – Na polêmica foto publicada no Facebook aparecem o presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito, Vinícius Siqueira (DEM), e o vereador Júnior Longo (PSDB), que também faz parte da CPI, ao lado da representante de políticas públicas da Uber, Mariana Polidorio.

="adsbygoogle" style="display:block" data-ad-client="ca-pub-2309922433896559" data-ad-slot="9960967624" data-ad-format="auto">

Sobre Carlos Laia

Comandada por Carlos Laia , A Voz Do Taxista tem por objetivo levar a categoria dos taxistas informação, levantar o debate dos assuntos importantes para o desenvolvimento profissional de toda categoria.

DEIXE SUA OPINIÃO!